fbpx

4Ps of Innovation

A inovação é um conceito que está ganhando cada vez mais atenção de empresas e instituições, independente do tamanho. O processo de inovação, quando bem aplicado e compreendido por todos, muda a cultura e o ambiente da organização, podendo afetar positivamente na produtividade da equipe e nos resultados obtidos.

No entanto, para que a inovação seja sucedida nas organizações, os líderes precisam entender que existem diferentes fatores que acompanham a inovação e que devem estar sinérgicos para que a implementação e o sucesso de fato aconteçam. A ferramenta 4Ps da Inovação apresenta esses fatores e ajuda os gestores, líderes e empreendedores a entenderem como a inovação está estruturada em suas empresas.

4Ps of Innovation:
para que serve?

A função da ferramenta é ajudar líderes e empreendedores a entenderem como eles podem capacitar ainda mais a inovação em seus ambientes de trabalho, através da identificação de características que eles precisam fortalecer e/ou considerar para que a marca tenha um processo inovador, fazendo com que ela continue sendo competitiva e ativa no mercado.

4Ps of Innovation
Como Utilizar
Introdução

Os 4 aspectos que a ferramenta trabalha para que as organizações possam ter o processo inovador implementado internamente são Propósito, Processos, Pessoas e Políticas.

Passo 1 - Propósito

Cada empresa tem um propósito para querer inovar, independentemente do motivo. Entender por quê a empresa deseja trazer a inovação para dentro das suas atividades e operações é fundamental para o processo funcionar, pois é necessário que ele esteja alinhado com as estratégias da corporação para que as ações sejam bem direcionadas e assertivas, do contrário, é possível que o processo falhe e cause uma falsa impressão sobre o que é inovação. 

Porém, além do propósito, também é preciso que a visão da empresa esteja de acordo com esse objetivo de inovar. De nada adianta querer transformar a organização sem que haja uma visão clara do que a empresa espera alcançar e onde ela espera chegar após a chegada da inovação, ou seja, quais são as suas metas. A empresa pretende inovar em um produto, gerar mais produtividade nas suas atividades ou gerar uma transformação cultural? 

Portanto, reúna uma equipe com os principais líderes e representantes da organização e discutam por quê eles desejam levar a inovação internamente e o que eles esperam conquistar com ela. 

Passo 2 - Processos

Com o propósito bem definido, assim como a visão e as metas, na segunda etapa a equipe irá conversar para estabelecer e selecionar práticas e metodologias de inovação que deseja utilizar nas atividades e nos produtos ou serviços da empresa. Existem diversos métodos para inovar, cada um com suas particularidades, que ajudam na geração de novas ideias, no desenvolvimento do projeto, na priorização de oportunidades e em seu lançamento.   

Logo, a empresa precisa analisar e determinar quais são as suas necessidades para que o time responsável pela inovação consiga escolher as melhores práticas para aplicar ao longo das operações. 

Dentre os processos de inovação, existem sessões de brainstorming, a ferramenta SCAMPER – voltada para geração de ideias -, design thinking e seus diversos modelos, roadmaps e muito mais. Todos funcionam sinergicamente e são usados em diferentes etapas da jornada.  

Passos 3 - Pessoas

Para o processo de inovação funcionar adequadamente, a empresa deve ter pessoas dispostas a participarem da transformação que está acontecendo. Mas além disso, também é necessário ter pessoas especializadas nas seguintes características: empreendedora e gestora. 

As empreendedoras são as pessoas responsáveis por analisarem e encontrarem oportunidades de crescimento e por sugerirem projetos e ações inovadoras para os produtos da organização. São pessoas que irão insistir pela inovação no cotidiano da companhia.

Enquanto as gestoras são as pessoas que irão trabalhar para transformar conceitos intangíveis em resultados mensuráveis. É o grupo de pessoas flexíveis, que conseguem se adaptar às mudanças e realizar as ações.

Assim, na terceira etapa deve ser escolhido quem são as pessoas com as características empreendedoras e gestoras no processo.

Passo 4 - Políticas

Por fim, para que se tenha uma boa cultura organizacional voltada para inovação, é preciso que a empresa tenha políticas que apoiem e estimulem o conceito em seu ambiente de trabalho. 

Sem essas condições, é possível que no decorrer do tempo os colaboradores fiquem desengajados com a ideia de inovar e a organização também pode acabar perdendo oportunidades de parceria e relevância no mercado. Sendo assim, para evitar esses tipos de frustrações, as empresas devem ter políticas que visam criar vínculos com outras organizações, recompensar e capacitar os colaboradores, estimular a inovação em toda a companhia, dentre outras políticas.   

Venture Hub Campinas
(19) 99768-3021
Av. José dos Santos Marques, 28
Parque das Quaresmeiras, Campinas/SP

Venture Hub Manaus
(92) 3308-1121
Av. Gov. Danilo de Matos Areosa, 1199, Bloco J (2º andar)
Distrito Industrial, Manaus/AM”;

© Todos os direitos reservados © 2022 ⋅ Venture Hub